+55 (67) 3321-6800
Olá visitante, faça seu
Olá visitante, faça seu
PENFORT REFORCADO 8,4 G DE PÓ + 15 ML DILUENTE

PENFORT REFORCADO 8,4 G DE PÓ + 15 ML DILUENTE

Aproveite, ainda temos 3 itens no estoque
1 x de R$ 12,08 sem juros
R$ 12,08
ou R$ 11,48 à vista (com 5% de desconto no Boleto)
Aproveite, ainda temos 3 itens no estoque
R$ 12,08
ou R$ 11,48 à vista (com 5,00% de desconto no Boleto)
Quantidade

Consulte frete e prazo de entrega

Consulte frete e prazo de entrega

Não sabe o CEP?

bula

Fórmula:
Frasco-ampola com pó:
Cada 8,40 g contém:
Penicilina G benzatina .................. 3.000.000 UI
Penicilina G procaína ...................... 1.500.000 UI
Penicilina G potássica .................... 1.500.000 UI
Estreptomicina base (sulfato) ................ 2.500 mg

Ampola de diluente:
Cada 15 ml contém:
Diclofenaco sódico.............225,0 mg
Veículo q.s.p. ...................... 15,0 ml

Indicações:
O Penfort® Reforçado é indicado no tratamento de infecções bacterianas em bovinos e eqüinos adultos, causadas ou associadas aos seguintes microorganismos:

Para Bovinos: 
Mastites Streptococcus agalactiae, S. uberis, S. dysgalactiae, Staphylococcus aureus, Corynebacterium pyogenes
Infecções respiratórias Pasteurella multocida
Listeriose Listeria monocytogenes
Leptospirose Leptospira spp
Tétano Clostridium tetani
Carbúnculo hemático Baccilus anthracis
Carbúnculo sintomático Clostridium chauvoei
Actinomicose Actinomyces bovis
Metrite Corynebacterium pyogenes
Epidermite exsudativa Staphylococcus hyicus, S. hyos
Pielonefrite bovina Corynebacterium renale
Edema maligno Clostridium septicum
Doenças supurativas Corynebacterium pyogenes
Hepatite necrótica infecciosa Clostridium novyi

Para Eqüinos:
Garrotilho Streptococcus equi
Leptospirose Leptospira spp
Metrite Corynebacterium pyogenes
Tétano Clostridium tetani
Pneumonia corinebacteriana Corynebacterium equi
Hepatite necrótica infecciosa Clostridium novyi
Doenças supurativas Corynebacterium pyogenes

Modo de uso e Dosagem:
O produto é injetável, e deve ser aplicado pela via intramuscular profunda, utilizando agulhas com comprimento de 25 a 30 mm. 
Retirar o diluente da ampola com auxílio de uma seringa estéril e transferir para o frasco de pó.
Agitar bem até completa homogeneização do conteúdo, sendo que, a suspensão obtida está pronta para uso.

Dosagem recomendada para Bovinos:
8.000 UI a 24.000 UI por kg de peso corporal.
Dosagem média: 15.000 UI por kg de peso corporal, ou um frasco para 400 kg de peso corporal.

Dosagem recomendada para Eqüinos:
8.000 UI a 24.000 UI por kg de peso corporal.
Dosagem média: 15.000 UI por Kg de peso corporal, ou um frasco para 400 kg de peso corporal.

Essas dosagens podem ser alteradas conforme a gravidade do quadro, à critério do Médico Veterinário.
O tratamento é em dose única, mas poderá ser repetido após 72 horas, caso os sintomas não desapareçam, ou à critério do Médico Veterinário.

Administração:
O produto é injetável, e deve ser aplicado pela via intramuscular profunda, utilizando agulhas com comprimento de 25 a 30 mm. 
Retirar o diluente da ampola com auxílio de uma seringa estéril e transferir para o frasco de pó.
Agitar bem até completa homogeneização do conteúdo, sendo que, a suspensão obtida está pronta para uso.

Precauções:
- O produto não deve ser aplicado por via intravenosa.
- O produto só deve ser reconstituído no momento do uso.
- Não utilizar outros antiinflamatórios em associação com o Penfort® Reforçado.

Efeitos adversos:
As reações alérgicas às Penicilinas tem como sinais clínicos principais, as erupções cutâneas, angioedema e anafilaxia.
Hiperpotassemia (hipercalcemia) e arritimias cardíaca podem ocorrer quando se administra a Penicilina potássica por via intravenosa.

Contra- indicação:
- Não aplicar em animais com histórico de hipersensibilidade às Penicilinas e/ou Estreptomicinas.
- Não utilizar em animais com grave disfunção renal, pois há riscos de Neurotoxicidade.

Interações Medicamentosas:
- Não administrar Penfort® Reforçado junto com o Probenecide, pois pode prolongar o efeito da Estreptomicina.
- Pode ocorrer interação entre o produto e agentes bacteriostáticos.
- Tem antagonismo com Cloranfenicol.
- Há possibilidade de interação entre a Estreptomicina e outras drogas nefrotóxicas, tais como Furosemida e a Anfotericina B.

Período de carência:
- Não abater animais tratados, para consumo humano, antes de decorridos 30 dias após a última aplicação do produto.
- Não aplicar em fêmeas leiteras lactantes.
- Venda sob prescrição e aplicação sob orientação do Médico Veterinário.
- Conservar em local seco e fresco, ao abrigo da luz solar, fora do alcance de crianças e animais domésticos.

Apresentação:
Frasco-ampola com 8,4 g de pó, acompanhado de ampola com 15 ml de diluente, acondicionados em cartucho.

Classe Terapêutica:
ANTIMICROBIANOS GERAIS; ANTIFÚNGICOS E ANTIPROTOZOÁRIOS (COCCIDIOS, FLAGELADOS)

Princípio(s) Ativo(s):
PENICILINA
DICLOFENACO
ESTREPTOMICINA

Registro no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento:
nº 6.330 em 13/03/98.

Responsável Técnico:
Dr. Fausto Eduardo Fonseca Terra - CRMV: CRMV/ SP - 10.300

Indique a um amigo

Preencha os campos abaixo e clique em Indicar Produto.
A sua indicação será enviada para o e-mail especificado.

Avaliar produto

Preencha seus dados, avalie e clique no botão Avaliar Produto.
Muito Ruim Ruim Bom Muito Bom Excelente

Produtos que você já viu

Você ainda não visualizou nenhum produto

Termos Buscados

Você ainda não realizou nenhuma busca